Gostou? Clica aqui:

sábado, 29 de março de 2014

Royal Purple - Beauty Color e coleção Black Tie

Eita que a faculdade está me deixando doida! Quase não ando vindo aqui, mas hoje eu resolvi dar uma passada rápida para mostrar minhas unhas! Fiz em casa mesmo, bem amadora rs, mas o esmalte é tããão lindo que merecia ser exibido:


Esse é o Royal Purple da coleção Blacktie da Beauty Color, eu gamei assim que vi no vidrinho, mas ele é muito mais incrível nas unhas.

Só um detalhe: Minhas unhas estão curtinhas e estou com uns machucadinhos na beira da unha (sabe quando levanta a cutícula por causa do inverno, pois é), então procura não reparar, ok? rs. 

Foca nesta cor maravilhosa:

Na luz artificial:




Na luz natural, sombra:



Luz natural, no sol:


Não consegui fotografar bem a cor dele, na sombra é um roxo bem escuro e no sol ele fica com um brilho muito lindo. Achei a minha cara, super diferente, brilhoso e ao mesmo tempo rock'n roll, achei lindo demais. Aliás, ando desejando a coleção toda, olha só:


Ah! E o cabo é emborrachado, lindo demais em cada detalhe.

;*


Francini Sonsin Aguiar Cervantes


terça-feira, 18 de março de 2014

Presente para a casa - Chaleira que apita

Sempre fui apaixonada por chaleiras que apitam, acho fofo e parece cena de filme rs. Ultimamente eu e o marido estamos em uma onda de tomar chá, mas não temos chaleira e eu estava esquentando água na panela (o que é horrível), em consequência disso estava super desejando uma chaleira e já que ia comprar, tinha que apitar, né? kkk

Minha querida sogrinha, ouvindo agente comentar sobre isso, resolveu me dar uma de presente *_* dá uma olhada na bonita:


Não é uma gracinha? Ela abre o apito, a tampa em cima e abaixa a alça, assim:


gravei até um vídeo que mostra ela funcionando (e apitando):

video

Haha deu para ver que a pessoa está apaixonada, né? Amo ganhar presentes para a casa e tenho ganho muita coisa legal, quero ver se mostro mais algumas coisas que ganhei/comprei e amei/odiei qualquer dia desses.


;*

Francini Sonsin Aguiar Cervantes



domingo, 16 de março de 2014

ALERTA DE SPOILER: Um Dia - David Nicholls


Ficha técnica:
Título: Um Dia
Autor: David Nicholls
Editora: Intrínseca
Ano: 2011
Nº de páginas: 411
ISBN: 978-85-8057-045-8


Resenha (Fonte: Skoob):
Dexter Mayhew e Emma Morley se conheceram em 1988. Ambos sabem que no dia seguinte, após a formatura na universidade, deverão trilhar caminhos diferentes. Mas, depois de apenas um dia juntos, não conseguem parar de pensar um no outro.

Os anos se passam e Dex e Em levam vidas isoladas - vidas muito diferentes daquelas que eles sonhavam ter. Porém, incapazes de esquecer o sentimento muito especial que os arrebatou naquela primeira noite, surge uma extraordinária relação entre os dois.

Ao longo dos vinte anos seguintes, flashes do relacionamento deles são narrados, um por ano, todos no mesmo dia: 15 de julho. Dexter e Emma enfrentam disputas e brigas, esperanças e oportunidades perdidas, risos e lágrimas. E, conforme o verdadeiro significado desse dia crucial é desvendado, eles precisam acertar contas com a essência do amor e da própria vida.


O que eu achei
Acho que nunca fiz spoiler aqui antes, mas estou confusa demais e acho que não conseguirei falar sobre o livro sem contar passagens importantes dele. Não posso dizer só o que achei, simplesmente porque não sei o que eu achei.

Sabe quando você termina um livro e não sabe dizer se gostou ou não dele? Pois é. É o caso.

“Um Dia” chegou até mim por uma troca, troquei um livro que eu não tinha gostado por ele, que a Tila não tinha gostado. Segundo a Tarcila era muito meloso.

Uma prima viu na estante, disse que leu e gostou muito, perguntei se era meloso e ela disse que um pouco, mas ela gosta de livros ainda mais melosos então achou de boa.

Comecei a ler.


Gostei do início, era fofo, tipo comédia romântica sabe? Daquelas que a gente ri um bocado e chora vez ou outra? Pois é, leve, meio bobo, mas gostosinho.

No início já tinha aquela coisa de “O que farei da minha vida?”, mas achei normal, afinal o livro começa com ambos com “20 e poucos anos” acho que todo mundo passa por isso. Mas aí começou a parte ruim. A vida dos dois é uma porcaria. Melhora um pouco e depois fica ruim de novo. A coisa vai ficar boa e daí eles fazem algo para ficar ruim... enfim... estava quase desistindo do livro.

Um dia na faculdade uma amiga vê o livro e comenta que leu e amou, levou uns dois dias para terminar e tal, que não conseguia parar de ler. Falei que estava decepcionada, expliquei e perguntei se a vida dos dois melhoraria. A resposta foi um "mais ou menos" reticente. Oh God! Curiosei! Hsuiahs.

Continuei lendo e a coisa foi ficando boa, eles ficaram bem, juntos e tal, comecei a achar que ia gostar do livro, estava gostando mesmo e daí... daí o autor faz algo absurdo: ele mata a mocinha! Tipo: WHAT?

Nesse momento eu odiava o livro com todas as minhas forças e gostaria que o autor tivesse uma diarréia daquelas. Mas aí... sei lá, a história do Dexter (mocinho) continuou e foi ficando até que boazinha, um pouco de nostalgia, de “bola para frente, fazer o quê” e as coisas terminaram serenas.


É isso, gostei do livro, quis abandonar o livro, depois amei o livro, odiei o livro, e por fim me conformei, terminei sem saber direito de que mudança caí. O fim é bem diferente, isso é fato, não é feliz, mas nem tão triste assim.

Não cheguei a chorar, mas em alguns momentos o luto do Dex encheu meu olho d'água. Enfim, até agora não decidi se gostei ou não gostei. A estrutura é legal, a leitura é leve, mas a história é depressiva demais. E ainda não perdoei o autor pela morte da Em quando tudo parecia que finalmente poderia ficar bem.

Não sei se recomendo a leitura, porque não sei se gostei rs, mas é melhor não, tem muito livro excelente no mundo para perder tempo com um meia boca e depressivo =P (na minha opinião, duas pessoas me disseram que gostaram muito e uma que amooou, leu em dois dias e chorou horrores).

Fotos:


Capa

Contra-capa

Folha de rosto

Interior

___________________________________________________

 P.s.: Repararam que a prateleira que tirei fotos está diferente? É nova! Comprei mais uma, só tinha branca e acabei comprando um pouco mais larga, mas ficou bem prática e gostei da descombinação rsrs. Curtiu?
Estante

;*

Francini Sonsin Aguiar Cervantes
http://www.skoob.com.br/usuario/290526 

quinta-feira, 13 de março de 2014

Divulgada a capa do segundo livro da série Terra de Histórias (Chris Colfer)


Lembra que eu li e resenhei o Terra de Histórias: O Feitiço do Desejo? Eu amei demais aquele livro, por isso fiquei mega feliz quando soube que ele tinha continuação e mais ainda agora que sei que vai ser lançado no Brasil e a Benvirá já até divulgou a capa. Olha que lindeza *__*


Se o material seguir o mesmo estilo do primeiro a capa será ainda mais linda. Estou ansiosa para colocar minhas mãozinhas em um exemplar.

Minha estante já está com lombrigas rsrs.

;*
Francini Sonsin Aguiar Cervantes
http://www.skoob.com.br/usuario/perfil/290526

segunda-feira, 10 de março de 2014

Desejei - Roupeiro para o quarto do João


Eu não tenho filhos, mas tenho um enteado de 10 anos, o João Fernando. Ele mora com a mãe, mas claro que ele vai ter o quartinho dele na nossa casa. Ocorre que esse fim de semana me deparei com um daqueles casos em que você vê algo muito caro, mas é tão lindo, é tão diferente e tão perfeito que você quer e ponto.

Vi esse roupeiro (guarda-roupa, ou como você costume chamar) lindo em uma loja aqui na cidade, mas custava R$ 800,00! É o preço de um de casal T.T!!! Pesquisei na internet e o preço está nessa faixa mesmo, mas eu estou aqui, em vez de estabelecer "É caro." e esquecer, estou desejando essa coisa linda:

Fonte
Achei ele tão diferente, tão colorido. E para o João ia dar e sobrar espaço. A porta amarela abre de canto (toda a parte amarela abre como uma porta) e tem prateleirinhas em triângulo nas duas partes, ideal para guardar carrinhos, bonecos e pequenos brinquedos. Olha como é por dentro:

Fonte

Não é perfeito?

E para me atiçar mais ainda, achei até vídeo mostrando melhor a belezinha:


Ai! Apaixonei! E sei que é a cara do João, ele ia amar. Aii se meu dinheiro dessee rsrs, mas as fotos estão guardadinhas, quem sabe um dia sobra uma verba e nós investimos. A construção anda a toda a velocidade, estou ansiosa para mudar, maas sei que as despesas vão aumentar e a coisa já anda bem apertada por aqui. Deus sabe o que faz, confio nEle e sei que no fim acontece o que for melhor. Rezem por mim e torçam bastante.

;*

Francini Sonsin Aguiar Cervantes